Portal Oficial - Instituto Nacional de Estatística
      
 

Rendimento ao nível local: Desigualdades Inter e Intramunicipais
Estatísticas do Rendimento ao nível local
Indicadores de rendimento declarado no IRS
Rendimento ao nível local: Desigualdades Inter e Intramunicipais - 2018
29 de julho de 2020

Resumo


Em 2018, o valor mediano do rendimento bruto declarado deduzido do IRS liquidado por sujeito passivo foi 9 067 € em Portugal, o que correspondeu a um aumento de +4,4% face ao ano anterior. Um quinto dos municípios apresentou valores medianos do rendimento bruto declarado deduzido do IRS liquidado por sujeito passivo maiores que a referência nacional: os 18 municípios da Área Metropolitana de Lisboa (AML), 18 municípios no Centro, 13 no Alentejo, 6 no Norte, 5 na Região Autónoma dos Açores, 2 na Região Autónoma da Madeira e 1 no Algarve. Os três municípios com valores mais elevados foram Oeiras (13 527 €), Lisboa (11 499 €), Cascais (11 488 €). Por outro lado, em 55 municípios, sobretudo localizados na região Norte, o valor mediano do rendimento bruto declarado deduzido do IRS liquidado por sujeito passivo não atingia 7 500 €.
Em 2018, o rácio P80/P20 do rendimento bruto declarado deduzido do IRS liquidado por sujeito passivo – indicador que traduz o número de vezes que o rendimento do sujeito passivo situado no percentil 80 é superior ao rendimento do sujeito passivo do percentil 20 – era 2,95 em Portugal e 43 municípios apresentaram um valor superior a este referencial. Deste conjunto, 15 registaram também valores medianos de rendimento bruto declarado deduzido do IRS liquidado por sujeito passivo superiores à referência nacional, destacando-se com maior disparidade Lisboa (4,11) e Porto (3,68). Os municípios com menor rácio P80/P20 foram Borba (2,15), Alandroal (2,12) e Vizela (2,05).

Este trabalho integra o STATSlab - Estatísticas em desenvolvimento

Consulte a Publicação


Destaque
Download do documento PDF (1309 Kb)
Quadros
Excel Excel (1188 Kb)