Portal Oficial - Instituto Nacional de Estatística
      
 

A remuneração bruta mensal média aumentou 3,0% no 3.º trimestre de 2019, para 1 220 Euros
Estatísticas do Emprego
Remuneração bruta mensal média por trabalhador
A remuneração bruta mensal média aumentou 3,0% no 3.º trimestre de 2019, para 1 220 Euros
07 de novembro de 2019

Resumo

A remuneração bruta mensal média por trabalhador (posto de trabalho) aumentou 3,0% no terceiro trimestre de 2019, em relação ao mesmo período de 2018, e a componente regular daquela remuneração aumentou 2,8%, atingindo respetivamente 1 220 e 1 039 euros. Estes resultados referem-se a cerca 4,2 milhões de postos de trabalho, correspondentes a beneficiários da Segurança Social e, pela primeira vez, a subscritores da Caixa Geral de Aposentações.
Em termos reais, tendo como referência a taxa de variação negativa do Índice de Preços do Consumidor, a remuneração bruta mensal média por trabalhador aumentou 3,2% e a componente regular aumentou 3,0%.
Nos últimos quatro anos, a remuneração bruta mensal regular aumentou acima da média (7,3%) no setor de bens ou serviços transacionáveis (11,3%) e no dos não transacionáveis mercantis (7,8%). No setor dos não transacionáveis não mercantis, que integra as Administrações Públicas, o aumento foi 6,8%. Neste setor, a remuneração regular mantém-se persistentemente superior à média da economia (em cerca de 28% em setembro de 2019), refletindo em larga medida a diferente composição dos seus recursos humanos. É ainda de salientar que nos últimos dois anos se tem assistido a alguma convergência nas taxas de crescimento registadas nos três setores.

STATSLAB - Estatísticas em desenvolvimento 


Texto integral do Destaque
Download do documento PDF (419 Kb)
Quadros do Destaque
Excel Excel (150 Kb)
CSV CSV (4 Kb)