Portal Oficial - Instituto Nacional de Estatística
      
 

A taxa de desemprego situou-se em 6,7% no 4.º trimestre e em 6,5% no conjunto de 2019
Estatísticas do Emprego
A taxa de desemprego situou-se em 6,7% no 4.º trimestre e em 6,5% no conjunto de 2019 - 4.º Trimestre de 2019
05 de fevereiro de 2020

Resumo

No 4.º trimestre de 2019
A taxa de desemprego foi 6,7%, superior em 0,6 pontos percentuais (p.p.) à do trimestre anterior e igual à do trimestre homólogo de 2018.
A população desempregada, estimada em 352,4 mil pessoas, aumentou 9,0% (29,0 mil) em relação ao trimestre anterior e 0,9% (3,3 mil) em relação ao trimestre homólogo de 2018.
A população empregada, 4 907,6 mil pessoas, diminuiu 0,8% (40,2 mil) em relação ao trimestre anterior e aumentou 0,5% (24,6 mil) em relação ao homólogo.
A taxa de desemprego de jovens (15 a 24 anos) situou-se em 19,5%, mais 1,6 p.p. e menos 0,4 p.p. do que nos trimestres anterior e homólogo, respetivamente. A proporção de desempregados à procura de emprego há 12 e mais meses (longa duração) foi 47,8%, valor inferior em 4,6 p.p. ao do trimestre anterior e igual ao do trimestre homólogo.

Em 2019
A taxa de desemprego foi de 6,5%, tendo diminuído 0,5 p.p. relativamente a 2018.
A população desempregada, 339,5 mil pessoas, diminuiu 7,2% (26,4 mil) em relação ao ano anterior, enquanto a população empregada, 4 913,1 mil pessoas, aumentou 1,0% (46,4 mil).
A taxa de desemprego de jovens (15 a 24 anos) situou-se em 18,3%, 2,0 p.p. abaixo do estimado para o ano anterior. A proporção de desempregados de longa duração foi 49,9%, tendo diminuído 1,2 p.p. em relação ao ano transato.
A taxa de subutilização do trabalho foi 12,7%, 1,0 p.p. abaixo da do ano anterior, correspondendo ao valor mais baixo da série iniciada em 2011.
Dos jovens dos 15 aos 34 anos residentes em Portugal, 9,5% (210,1 mil) não tinham emprego nem estavam a estudar ou em formação, uma percentagem que diminuiu 0,4 p.p. (8,1 mil) em relação a 2018.
Os três indicadores Europa 2020 – taxa de emprego dos 20 aos 64 anos, taxa de abandono precoce de educação e formação e taxa de escolaridade do ensino superior – com metas para Portugal de 75% ou mais, menos de 10% e no mínimo 40%, respetivamente, observaram os seguintes valores: 76,1%, 10,6% e 36,2% (75,4%, 11,8% e 33,5% em 2018).


Destaque
Download do documento PDF (299 Kb)
Quadros
Excel Excel - 4ºT/2019 (697 Kb)
Excel Excel - Anual (421 Kb)
ZIP CSV - 4ºT/2019 (63 Kb)
CSV CSV - Anual (54 Kb)