Portal do Instituto Nacional de Estatística

      
 

Contas Nacionais
Um euro a mais de exportações reparte-se em 44 cêntimos de importações adicionais e em mais 56 cêntimos de PIB
30 de novembro de 2018

Resumo

Este destaque apresenta o sistema de Matrizes Simétricas de Input-Output para a economia portuguesa referentes a 2015.
De acordo com os resultados deste sistema, cada euro de despesa nos agregados da procura final gera os seguintes impactos:
• Despesa de Consumo Final das Famílias: 23 cêntimos de importações e 77 cêntimos de PIB;
• Despesa de Consumo Final das Administrações Públicas: 10 cêntimos de importações e 90 cêntimos de PIB;
• Formação Bruta de Capital Fixo: 36 cêntimos de importações e 64 cêntimos de PIB;
• Exportações: 44 cêntimos de importações e 56 cêntimos de PIB.
Ainda com base neste sistema Input-Output, uma redução uniforme de, por hipótese, 10% das exportações com destino ao Reino Unido, em consequência do Brexit, tem um impacto negativo de 0,26 pontos percentuais do PIB português, não considerando efeitos sobre a economia portuguesa do impacto noutras economias que são parceiros comerciais relevantes.


Texto integral do Destaque
Download do documento PDF (531 Kb)
Quadros do Destaque
Excel Excel (1875 Kb)
ZIP CSV (208 Kb)






Autentique-se para subscrever






                     Acessibilidade       Em conformidade com o nível 'AA' das WCAG 1.0 do W3C Em conformidade com o nível AA das WCAG 1.0 do W3C
CSE ALEA SICAE SEE - Sistema Estatico Europeu ESS Vision 2020   UE - Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional POCI Compete 2020 Portugal 2020