Portal Oficial - Instituto Nacional de Estatística
      
 

225,4 mil estrangeiros adquiriram a nacionalidade portuguesa entre 2008 e 2016
Dia Internacional dos Migrantes - 18 de dezembro
225,4 mil estrangeiros adquiriram a nacionalidade portuguesa entre 2008 e 2016 - 2016
15 de dezembro de 2017

Resumo

Entre 2008 e 2016, o número total de aquisições da nacionalidade portuguesa atingiu 225 428, uma média anual de aproximadamente 25 mil. O valor anual mais elevado foi registado em 2016, com 29 351 aquisições da nacionalidade portuguesa, mais 30% do que em 2015.
Adquiriram a nacionalidade portuguesa 115 534 mulheres e 109 894 homens, uma relação de 95 homens para cada 100 mulheres.
Foram os nacionais do Brasil (60 335) e de Cabo Verde (37 417) quem adquiriu, em maior número, a nacionalidade portuguesa, representando 43% do total, no período em análise.
A idade média dos estrangeiros que adquiriram nacionalidade portuguesa é diferente em função do seu local de residência; para os residentes em Portugal situou-se em 33 anos e em 48 anos para os residentes no estrangeiro.
A naturalização foi a principal forma de aquisição da nacionalidade portuguesa, representando 41% dos casos para as pessoas residentes no estrangeiro e 73% para os estrangeiros residentes em Portugal.


Destaque
Download do documento PDF (227 Kb)
Quadros
Excel Excel (38 Kb)
CSV CSV (4 Kb)