Portal Oficial - Instituto Nacional de Estatística
      
 

A estimativa definitiva da taxa de desemprego de julho de 2016 foi de 10,9%
Estimativas Mensais de Emprego e Desemprego
A estimativa definitiva da taxa de desemprego de julho de 2016 foi de 10,9% - Agosto de 2016
29 de setembro de 2016

Resumo

A estimativa definitiva da taxa de desemprego de julho de 2016 situou-se em 10,9%, o que corresponde a uma diminuição de 0,2 pontos percentuais (p.p.) face ao mês anterior e de 0,7 p.p. face a três meses antes, prosseguindo-se a trajetória descendente que se verifica desde fevereiro de 2016. Aquele valor representa uma revisão em baixa, de 0,2 p.p., face à estimativa provisória divulgada há um mês (11,1%).
A estimativa definitiva da população desempregada de julho situou-se em 559,8 mil pessoas, tendo diminuído 1,0% em relação ao mês anterior (menos 5,5 mil pessoas).
A estimativa definitiva da população empregada de julho foi de 4 568,5 mil pessoas, o que representa um aumento de 0,5% face ao mês anterior (mais 22,5 mil pessoas).
A estimativa provisória da taxa de desemprego de agosto de 2016 situou-se em 11,0%. Neste mês, a estimativa provisória da população desempregada foi de 561,8 mil pessoas e a da população empregada foi de 4 561,9 mil pessoas.

 


Texto integral do Destaque
Download do documento PDF (358 Kb)
Quadros do Destaque
Excel Excel (58 Kb)
ZIP CSV (2 Kb)